PROCURADA

Onde é que eu fui me meter?

Falando bem sério:

será que alguém sabe?

Não tô me encontrando,

não sei onde estou…

Se você me achar,

me manda mensagem?

 

Me envia um áudio

lá no WhatsApp.

Me deixa um recado

na caixa postal.

Me liga, me grita,

procura o meu Face.

Publica um alerta

lá no meu mural.

 

Preciso dizer

que já estou com saudades:

não vejo a hora

de me encontrar.

Me avisa, me bipa,

a hora que for…

Eu juro, prometo,

que vou me buscar.

 

Parti num instante,

sem deixar aviso.

Foi tão repentino…

bizarro demais!

Olhei no espelho

o meu corpo franzino…

pisquei um segundo

e já não me achei mais.

 

Eu me procurei

embaixo da cama,

atrás da cortina

e naquela boate…

mas onde eu olhava,

eu não me encontrava,

e onde eu estava,

eu nunca me achava.

 

Depois que parti,

fez-se o silêncio.

Que coisa esquisita…

não ouvir nenhum som.

De um dia pro outro

tapei os ouvidos

e nem foi preciso

usar minhas mãos.

 

Às vezes parece até

que foi ontem

que eu tava deitada

aqui nesse chão,

depois de cair

e bater com a cabeça,

sentindo nos dedos

minha pulsação.

 

Olha só que lindo

o cartaz que eu fiz:

botei minha foto

e escrevi  “PROCURADA”.

Fiz mais de mil cópias

e dei para amigos

colarem nos postes

de beira de estrada.

 

Não sinto tristeza,  

não sinto agonia.

De um dia pro outro,

voltei a sorrir.

Pra onde é que eu fui?

Pra onde eu iria?

Será que eu mesma

é que me escondi?

Estarei agachada

nas minhas entranhas?

Será que algum dia

ainda vou me parir?

 

E se eu nascer

me rasgando por dentro,

gritando e lutando,

fazendo motim?

E se eu agarrar

o que vir pela frente:

os ossos, artérias,

o baço e um rim?

Quando eu vier

a nascer novamente,

o que é que terá

sobrado de mim?

 

Me fala, me explica,

me olhando nos olhos:

será que o meu parto

vai ser o meu fim?

 

(21.09.17)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.